Governo do Distrito Federal
Governo do Distrito Federal
28/01/20 às 16h48 - Atualizado em 28/01/20 às 16h48

Sagui-de-cara-suja

Sagui-de-cara-suja

Saguinus fuscicollis

 

TAXONOMIA

Classe: Mammalia

Ordem: Primates

Família: Callithrichidae


Características:
Este pequeno primata mede de 17,5 a 27 cm e pode pesar até 400 gramas. A face é negra com pelos esbranquiçados acima dos olhos e ao redor do nariz e da boca. A pelagem no resto do corpo apresenta uma coloração variada, sendo castanha ou avermelhada na nuca, pescoço e parte do dorso, e indo do avermelhado ao acinzentado na região posterior do corpo. A cauda costuma ser predominantemente negra. 

Distribuição Geográfica: Ocorre nos estados do Amazonas, Acre e Rondônia. É encontrado também na Colômbia, Equador e Peru.

Fonte: IUCN

Habitat: Floresta amazônica, tanto as áreas de terra firme como sazonalmente inundadas, e habitando até os 1.200 metros de altitude.

Alimentação: Onívoro.

Reprodução: Gestação de 170 dias, nascendo em média 2 filhotes.

Expectativa de Vida em Cativeiro:

Status de Conservação (MMA): Pouco preocupante.

Curiosidades: Apenas a fêmea dominante do grupo se reproduz e os demais integrantes auxiliam nos cuidados com os filhotes. Sua principal atividade social é a catação, que além de pedaços de pele morta e parasitas, também serve como uma forma de estabelecer laços afetivos. Apesar de não ser considerada ameaçada de extinção, a espécie sofre com o tráfico de animais selvagens e a destruição do habitat pelo avanço de fazendas e assentamentos rurais. Das 10 subespécies reconhecidas do sagui-de-cara-suja, duas são endêmicas do Brasil, sendo estas Saguinus fuscicollis avilapiresi e Saguinus fuscicollis primitivus.

ZOO - Governo do Distrito Federal

Fundação Jardim Zoológico de Brasília

Fundação Jardim Zoológico de Brasília Avenida das Nações, Via L4 Sul, s/n - Brasília, DF. CEP - 70610-100 Telefone: 3445-7000